Compare Produtos, Lojas e Preços
Negócios

Turismo e E-business - Dez/00

Voltar
  

Milênio novo, economia nova, mudança de paradigmas, conceitos e mais conceitos convencendo-nos a mudar. Sair do convencional e entrar para o mundo digital, internet, tecnologia, banda larga e outros termos da tecnologia na era digital. Mas e quem já está estabelecido, joga este modelo fora e muda para o mundo virtual? E quem ainda não se estabeleceu e está começando seu negócio agora, ignora os modelos convencionais e vira um adepto radical da nova tecnologia?O que fazer?


Mais oportunidades de emprego aqui

Fazer e-business requer de fato uma filosofia de trabalho e uma visão de negócios absolutamente novas. Mas quantas empresas podem se dar ao luxo de só trabalhar na virtualidade? Os contatos com os fornecedores são diferentes, mas e os contratos não são idênticos ao que eram antes da incursão cibernética?

O fato de haver novidades que pedem alterações profundas nas empresas não significa que tudo o que vinha sendo feito precise ser modificado. Então nos deparamos com um problema insolúvel: temos de modificar a empresa, mas não podemos ir muito longe nesta mudança. E se não formos longe na mudança, talvez não cheguemos longe em resultados. O que fazer? 

Na primeira onda, todos acreditavam piamente na internet e ela foi avançando rapidamente assim como teve uma queda brusca,levando consigo algumas empresas aventureiras.Agora,num segundo momento, só prosperam empresas sólidas que trabalham duro dentro e fora da internet. A tecnologia nada mais é do que uma ferramenta que pode otimizar os processos que já existiam antes, facilitando a comunicação com seus clientes e fornecedores.

Houve um momento que li algumas reportagens onde o fim das agências de turismo tradicionais era decretado assim como outros serviços.Não é o que constatamos. Ainda é muito importante para o cliente um contato humano, a confiança trazida por um telefonema ou uma visita não é superada por um e-mail, podendo apenas facilitar a negociação com um contato mais rápido e eficaz. Em qualquer área de atuação, principalmente nas prestadoras de serviços, tratar o cliente como único faz a diferença! Quem não gostaria de ser tratado com presteza, principalmente em suas férias junto à família?

Os exemplos de sucesso nas empresas ponto com são experiências onde a linha administrativa ligada a internet seja separada da empresa tradicional, pois as visões de futuro e os métodos de trabalho são diferentes; devem portanto ser parceiras e trabalhar em conjunto podendo igualmente conquistar e manter as vantagens competitivas em seus respectivos ramos de atuação.Isto não é de forma alguma uma receita de sucesso, apenas algumas tendências que tenho notado no mercado.

Enfim, cabe lembrar que as empresas mudam assim como as pessoas conforme a tecnologia avança. À medida que novos espaços se abrem e outros se estreitam, o perfil requerido dos funcionários,a utilidade ou importância do e-business na empresa, a necessidade de maior ou menor independência da equipe que definirá as políticas de uso da Internet podem transportar a empresa de um grupo para outro, indicando uma solução diferente. 

Reportagem: Dagmar Sodré Nunes

Voltar