Formação em nível superior e absorção do profissional pelo mercado de Guarulhos e região - Ago/04

Voltar

A partir de observações realizadas no mercado turístico de Guarulhos, entenda-se por este mercado mais especificamente a rede hoteleira instalada no município, as agências de viagens, Guarulhos Convention & Visitors Bureau, Infraero e próprio poder público, nota-se que a absorção de mão de obra formada nas instituições de ensino superior do município ainda é muito pequena.

Embora haja uma sinalização tímida de mudança nesse sentido, há que se fazer uma reflexão sobre as causas dessa não absorção. Existem no município Instituições com bons cursos de formação superior em Turismo, por que então não estamos conseguindo aplicar esta massa crítica formada na comunidade a serviço da mesma? Onde está, ou onde estão as divergências entre a formação e a aplicação desta mão de obra com nível superior de formação?

Longe de imaginar ter a solução para este problema, mas com a intenção de contribuir no processo de redução do hiato, entre a formação e a aplicação, é que passei a observar com mais intensidade esta questão.

Percebi no poder público SETUR Secretaria Municipal de Turismo, a existência de profissionais extremamente comprometidos com a causa do Turismo no município e na região, entretanto sem formação específica na área, exceções feitas aos estagiários.

No setor público, talvez pelo fato da secretaria existir há pouco tempo, podemos considerar que nesta fase seja compreensível à ausência quase que total de profissionais com formação específica, o que neste momento não está impedindo o desenvolvimento de ações extremamente relevantes para a atividade no município. Entretanto cabe salientar que o acesso de bacharéis em Turismo ou Turismólogos, como alguns preferem ser identificados, certamente irá contribuir com a SETUR e beneficiará o município.

Congruente com esta preocupação o Núcleo Acadêmico da SETUR, promoveu concurso público para a contratação de trinta estagiários, que atuarão nos balcões de informações turísticas do município e na própria SETUR, sendo que a demanda maior deste contingente está sendo absorvida no balcão localizado no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Partes destes estagiários já estão em fase de treinamento para iniciar as atividades, e os demais serão convocados em breve.

Estamos buscando através do Núcleo Acadêmico e do COMUTURG Conselho Municipal de Turismo de Guarulhos, estreitar o relacionamento com as Agências de Viagens, Cias Aéreas, Guarulhos Convention & Visitors Bureau, e Infraero que também fazem parte do COMUTURG, no sentido de encontrar as melhores formas de colaboração, entre as IES Instituições de Ensino Superior e escolas de formação em nível técnico. Algumas propostas já estão sendo elaboradas, como por exemplo, a utilização de estagiários nestas organizações, enquanto os mesmos estão em fase de conclusão de seus cursos e a possibilidade de efetivação quando concluírem.

O setor de eventos, importante por já ter sido identificado como uma vocação natural, assim como o turismo de negócios, em face de sua localização geográfica e da presença do maior Aeroporto Internacional da América Latina instalado no município, necessita de mão de obra altamente qualificada, neste particular, já é realidade a absorção de parte deste contingente através da contratação de estagiários por parte do Open Hall, importante centro de eventos do município.

Outro setor que ainda padece com falta de profissionais com formação específica é a hotelaria, e quando seus quadros contemplam a presença desta mão de obra especializada, esta é importada, na maioria dos casos de São Paulo.

Buscando identificar quais são as necessidades do profissional de Turismo com conhecimento, habilidades e atitudes, ou seja, quais são as competências, que o parque hoteleiro instalado no município precisa, a Faculdade IDEPE não tem poupado esforços, não apenas identificar, mas principalmente para desenvolver junto aos discentes tais competências, através das disciplinas específicas de sua grade curricular.

Podemos afirmar para nosso público discente que estamos empenhados em reduzir a distância entre a academia de ensino e o mercado, e que através de nossa inserção nos órgãos oficiais e o relacionamento cada vez mais estreito com o mercado, está proporcionando resultados significativos para ambos.

Nosso objetivo está focado na formação de profissionais que tenham uma visão global crítica e consciente, para que efetivamente tenham ações locais que contribuam com o crescimento e desenvolvimento sustentável do turismo em nosso município e região.

Desta forma não esperamos solucionar todos os problemas, mas certamente estaremos contribuindo de maneira significativa com o desenvolvimento de nosso município, com a empregabilidade de nosso corpo discente e com a permanente atualização de nossos cursos, que visam formações acadêmicas consistentes, alinhadas com os objetivos do MEC Ministério da Educação e Cultura e afinada com as necessidades cada vez mais exigentes e dinâmicas do mercado que irá absorver estes profissionais.

Aguardem as novidades, que serão divulgadas em breve, e não esqueçam que a atualização do conhecimento não se dá apenas na academia de ensino, e sim em todos os momentos de nossas vidas, estejam preparados para os desafios que certamente lhes serão apresentados.

Autor:
Prof. Sérgio Taveira de Assis
Professor dos cursos de Turismo e Sistema de Informação na Faculdade IDEPE e Gestão de Empresas Hoteleiras e de Turismo na FAV Faculdades de Valinhos, Coordenador do Núcleo Acadêmico da SETUR e Conselheiro Titular do COMUTURG.

 

 

Mande o seu artigo também, clicando na cartinha 
ao lado, e promova seu trabalho expondo-o aqui!

Voltar