Chapada Diamantina - Jun/03

Voltar

Fiz uma viagem ecológico à Chapada Diamantina e foi um passeio e tanto.

Saí de São Paulo de Ônibus, o qual é muito cansativa mas muito divertida. Fomos direto à cidade de Lençóis e chegando lá procuramos a pousada da Hélia, que já tínhamos recomendações. Ela é muito boa e totalmente ecológica, um café da manhã fantástico.

A cidade de Lençóis está preparada para receber turistas de toda parte. Têm de hotéis 5 estrelas à pousadas simples e econômicas, dando oportunidades à todos, inclusive as de baixa renda. A Chapada é muito bonita, ela conserva as igrejas que foram construídas no século XVII durante o garimpo de diamante. Tem outras cidades próximas de Lençóis que pode receber turista também como Palmeira, Seabra, Rio de Conta, etc.

Procuramos uma agência para nos indicar um guia para nos levar aos passeios. Eles formam grupos de 10 pessoas, nos levam de ônibus próximo do lugar onde andamos a pé até o local desejado.

Visitamos a Cachoeira da fumaça, que é muito linda. Andamos 14 Km, 7 de ida e 7 de volta, subimos o morro, mas a beleza que tomava conta da região contagiava a todos do grupo e o esforço da subida nem foi percebida. Todos íamos conversando e uns ajudando os outros.

Todos as pessoas do nosso grupo eram muito simpáticos. Eram pessoas com idades diferentes e culturas diferentes pois cada um vinha de diferentes partes do Brasil e do mundo. Tinha um casal gaúcho, dois médicos mineiros, 3 paulistas, um casal francês e outro alemão. Aprendemos muito com este intercâmbio de culturas.

Nós visitamos também o Poço Encantado que é verdadeiramente encantado. É o local mais lindo que eu já vi. Este poço se encontra dentro de uma caverna. Para chegarmos lá, descemos uns 80 degraus, pavimentado com proteção de corda até a entrada da caverna. Depois tivemos que rastejar com uma claridade de lampião a gás. Tem um lampião na entrada da gruta, outro no meio e outro ao chegar no poço. Chegando lá, vimos que todo o esforço feito e toda a descida valeu a pena.

No dia seguinte tivemos outra aventura. visitamos uma outra caverna diferente desta mas tão bonita quanto. Nesta caverna, pudemos nadar com pés de pato e máscaras. Com um guia liderando todo o pessoal e explicando as formações geológicas e características da caverna, fomos observando todos os detalhes, do fundo da água, peixes, um buraco onde havia um viveiro de morcegos, etc. Eu não fui, mas meu filho foi e me contou tudo, de como a água é cristalina e de como se podia ver peixes coloridos. Neste mesmo dia fomos visitar o Morro do Pai Inácio, que se pode apreciar a beleza da região inteira olhando lá de cima.

O que mais me impressionou foram as grutas e cavernas da região. Visitamos outra gruta onde caminhamos cerca de uma hora por dentro dela. Nosso guia nos disse que lá foi gravada algumas cenas da novela "Tieta do Agreste". Dentro desta caverna nós encontramos muitos sinais de que a natureza é bela e que não há arquiteto nenhum que é capaz de reproduzir tanta beleza.


Pousada da Hélia


Subindo o morro, todos íamos conversando.


Nosso grupo de diferentes partes do Brasil e do Mundo


Caverna, onde rastejamos com uma claridade de lampião


Poço Encantado

 

Espero voltar lá outras vezes pois estive lá apenas por uma semana e achei muito pouco tempo para explorar tudo o que a Chapada Diamantina nos oferece.

 

 

 

 

Renilde Martins
São Paulo - SP

 

 

 

Mande o seu diário também, clicando na cartinha ao 
lado, e conte para outros internautas como foi a sua viagem